Início / Notícias / Repasse extra do FPM é liberado

Repasse extra do FPM é liberado

O repasse extra do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) será  creditado nas contas das prefeituras nesta quinta-feira, 8 de outubro. A Secretaria do Tesouro Nacional (STN) deve transferir uma parcela decorrente da classificação por estimativa das receitas de Imposto de Renda (IR) e Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

O valor real a ser transferido é estimado em  R$ 240.916.225,50, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Os valores brutos representam R$ 301.145.281,88, referentes à classificação por estimativa das receitas de Imposto de Renda.

O repasse ocorre separadamente porque a Receita Federal do Brasil (RFB) tem um programa de parcelamento de dívidas de vários impostos. Quando a pessoa jurídica ou até mesmo a pessoa física efetua o pagamento da guia de pagamento do Programa de Recuperação Fiscal (Refis), a RFB classifica por estimativa a quantia de cada imposto que foi recolhida, separando o que é IR e IPI e efetua os repasses correspondentes ao FPM.

É importante destacar que este é um repasse extra. O primeiro decêndio de outubro será transferido no dia 9.

Clique aqui para consultar o FPM por Estado e coeficiente.

Com informações da CNM

 

Além disso, verifique

Tito Torres garante mais de R$ 8 milhões para a infraestrutura de municípios

Ruas calçadas ou pavimentadas são importantes para a qualidade de vida e desenvolvimento econômico. Afinal, o barro e a poeira não são apenas incômodos, eles também podem causar problemas de saúde e prejuízos. Além disso, vias esburacadas atrapalham o transporte de produtos e serviços. Por isso, investir em obras de infraestrutura foi uma preocupação do deputado Tito Torres em 2021. Ao todo, ele destinou mais de R$8 milhões para a infraestrutura de municípios.

Deixe uma resposta