Início / Notícias / Tito Torres toma posse para seu segundo mandato
m_Foto_Flávia Bernardo

Tito Torres toma posse para seu segundo mandato

Consternação pelas centenas de mortes no rompimento de barragem em Brumadinho marcou a cerimônia no Plenário

A marcha fúnebre executada por um bombeiro militar em homenagem às vítimas do rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, marcou a solenidade de posse dos parlamentares da 19ª Legislatura, no Plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), na sexta-feira (1/2/19).

A reunião foi presidida pelo parlamentar mais idoso, Hely Tarqüínio (PV), de 78 anos, que abriu a cerimônia citando o sentimento de dor e de pesar de todo o povo mineiro representado no Legislativo e expressando a solidariedade humana e espiritual aos familiares e amigos das vítimas. “Asseguro a todos que a ALMG não faltará ao seu dever de enfrentar e superar os desafios para garantir que fatos como esse não se repitam”, afirmou.

A menção do presidente ao “trabalho heroico” do Corpo de Bombeiros Militar de Minas, no resgate das vítimas em Brumadinho, provocou o aplauso de todos os presentes. Ele citou ainda as outras forças policiais e de defesa civil, bem como os voluntários, vindos também de outras localidades. Além da marcha fúnebre, houve ainda um minuto de silêncio dedicado às vítimas.

Posse

Após o Hino Nacional, interpretado pela cantora lírica mineira Elizete Gomes, o deputado Hely Tarqüínio prestou o juramento e assinou o compromisso de posse. O deputado Alencar da Silveira Jr. (PDT), que atuou como 1º-secretário, fez a chamada de deputados e deputadas, que também prestaram o compromisso e assinaram o termo de posse.

Expectativas

Em entrevista após a solenidade, Tito Torres falou do que espera de seu novo mandato. “Com os novos governos, tanto federal quanto estadual, acredito que Minas e o Brasil irão se fortalecer. O líder de Governo na Assembleia, o deputado Luiz Humberto, é um parlamentar de quem sou muito próximo e que, certamente, será um interlocutor, principalmente dos interesses dos mineiros. Com esse diálogo equilibrado com o Governo de Minas, a expectativa em relação ao segundo mandato é muito boa. Vou continuar com meus esforços para viabilizar recursos para a saúde, educação, infraestrutura e segurança dos municípios. Apesar da crise financeira, estamos confiantes que Minas irá se recuperar e voltar a crescer”, destacou.

Na oportunidade, o deputado comentou sobre o rompimento da barragem em Brumadinho. “Lamento profundamente pelas vítimas e seus familiares e por todas as implicações ambientais e econômicas que vem junto com essa tragédia. Também expresso meu agradecimento aos bombeiros, demais forças envolvidas e voluntários pelos trabalhos que estão realizando. As responsabilidades, tanto da empresa quanto do poder público, têm que ser avaliadas e os erros punidos e corrigidos. Precisamos reconhecer que a economia de Minas depende da atividade minerária. É preciso garantir que esse setor continue gerando empregos, mas que, principalmente, ofereça segurança aos trabalhadores e a população”, disse o deputado.

Com informações do Portal da ALMG

Além disso, verifique

m_FFO2811_GuilhermeBergamini

Tito Torres relata projetos que estimulam uso de energia solar e desburocratiza licenciamento ambiental

O deputado Tito Torres relatou favoravelmente dois projetos na reunião da Comissão de Fiscalização Financeira ...