Início / Destaque / Tito Torres recebe Medalha da Inconfidência

Tito Torres recebe Medalha da Inconfidência

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, entregou no domingo (21/4), em Ouro Preto, a Medalha da Inconfidência a 126 pessoas e instituições que contribuíram para o desenvolvimento do Estado e do país. O deputado Tito Torres foi um dos agraciados e comemorou a honraria. “Como representante do povo, esse título é uma demonstração de que minha atuação parlamentar tem feito a diferença em nosso Estado. Me sinto honrado, agradecido e convicto em realizar um trabalho que orgulhe Minas e os mineiros”, diz.

Neste ano, as homenagens foram concedidas especialmente às Forças de Segurança de Minas Gerais e de outros estados que trabalharam e ainda atuam em Brumadinho, após o rompimento da barragem da Vale S.A., que causou uma das maiores tragédias humanas e ambientais do mundo. A integração do trabalho realizado em Brumadinho, segundo os representantes das instituições, foi essencial para que as ações de busca e salvamento das vítimas fossem efetivas.

A Medalha da Inconfidência foi criada em 1952, durante o Governo de Juscelino Kubitschek, com o objetivo de homenagear os que se distinguiram pela notoriedade de seu saber, cultura e relevantes serviços à coletividade, contribuindo de maneira excepcional para a projeção e valorização de Minas.

Além disso, verifique

Área da Saúde é beneficiada com mais de R$ 18 milhões através do trabalho de Tito Torres em 2021

Unidades Básicas de Saúde e hospitais com estoque de insumos e materiais hospitalares em dia. Treze ambulâncias para transporte de pacientes e acompanhantes, além de cinco aparelhos de tomografia para hospitais de referência em diferentes regiões de Minas. Este foi o saldo do trabalho de Tito Torres para a área da saúde em 2021. Ao todo, a atuação do deputado garantiu mais de R$ 18 milhões para prefeituras e entidades hospitalares.